Deputado Gustavo Tutuca entrega sugestões de melhorias aos termos de concessão das rodovias Dutra e Rio-Santos

Deputado Gustavo Tutuca entrega sugestões de melhorias aos termos de concessão das rodovias Dutra e Rio-Santos

Compartilhe isso:

O deputado estadual Gustavo Tutuca (MDB) compareceu no último dia 7 a uma reunião com o ministro de infraestrutura do Governo Federal, Tarcísio e o presidente da Câmara dos Deputados,  Rodrigo Maia, para tratar das concessões das rodovias federais no estado do Rio de Janeiro.

Na ocasião, Tutuca entregou ao ministro um ofício do seu mandato sugerindo alterações nos termos da concessão, buscando atender solicitações dos moradores que chegaram ao seu conhecimento.

 – Tenho acompanhado as discussões da nova concessão da Dutra e da Rio-Santos desde o início. Fizemos um abaixo-assinado e colhemos sugestões de alterações ao longo das audiências. Agora, estamos protocolando junto à ANTT e tive a oportunidade de entregar uma cópia das sugestões ao ministro Tarcísio, que foi muito solícito.

Confira as sugestões do mandato do deputado Gustavo Tutuca

BR-116 (Rodovia Presidente Dutra)

-Viaduto com passarela do bairro Varjão, em Piraí;

-Passarela no bairro Caiçara, em Piraí;

-Antecipação das obras de subida e descida das Serra das Araras para o segundo ano de concessão;

-Construção da 4ª pista em toda a extensão do estado do Rio de Janeiro;

-Exclusão da nova praça de pedágio de Barra Mansa, km 287;

-Redução de 20% da tarifa média dos pedágios;

-Alargamento do retorno na altura da cidade de Pinheiral;

-Iluminação em LED em toda a extensão da rodovia;

-Cobertura de acesso de internet Wi-Fi em toda a rodovia;

-Novo acesso a Piraí no sentido São Paulo-Rio na altura da Casa do Mamão, km237;

-Inclusão da BR-485 nos termos da Concessão (Parque Nacional do Itatiaia);

-Inclusão da manutenção dos trechos urbanos que servem como retorno à Rodovia Presidente Dutra nos termos da concessão;

-Inclusão da antiga Rodovia Rio-São Paulo nos termos da concessão;

BR-101 (Rodovia Rio-Santos)

-Exclusão do pedágio de Paraty, km 538

-Novo viaduto para acesso da cidade de Angra dos Reis

-Duplicação dos túneis de Itacuruça e Mangaratiba nos primeiros anos de concessão

-Implantação de tarifa turística e redução da tarifa para moradores dos moradores;

-Construção de passagens para pedestres nas pontes existentes ao longo do trecho da concessão que cortam bairros;

-Redução de 20% da tarifa média dos pedágios;

-Iluminação em LED em toda a extensão da rodovia;

-Cobertura de acesso de internet Wi-Fi em toda a rodovia;

-Inclusão da manutenção dos trechos urbanos que servem como retorno à Rodovia Rio-Santos nos termos da concessão