Como fazer o Brasil voltar a crescer?

Como fazer o Brasil voltar a crescer?

Compartilhe isso:

Crescimento de 4% ao ano, novos empregos e inflação sob controle? Chama o Meirelles que dá!

Você lembra como era sua vida entre 2006 e 2010? Muita gente trocou a TV para ver a Copa, comprou máquina de lavar por causa da redução de impostos ou viajou de avião pela 1ª vez. Nessa época, Henrique Meirelles era presidente do Banco Central e teve autonomia para tomar as medidas que fizeram o Brasil crescer.

Antes do Meirelles o país vivia uma grande crise: o dólar tinha disparado, o Brasil estava devendo aos credores externos e mal tinha dinheiro para honrar os compromissos imediatos. A inflação estava muito alta. Não eram poucas as pessoas que, como agora, achavam que não havia solução.

A chegada de Meirelles mudou totalmente esse cenário: com sua equipe altamente qualificada, ele soube tomar as medidas certas e dar os incentivos corretos. O país foi ganhando cada vez mais confiança, não só dos brasileiros, mas também dos investidores no Brasil.

Empresas retomaram investimentos, o emprego aumentou, as famílias voltaram a consumir e a ter comida farta na mesa. Naquele período, cerca de 40 milhões de brasileiros saíram da pobreza e formaram a nova classe média.

Agora, Meirelles se apresenta novamente para arrumar a bagunça. Recuperar a economia e retomar o crescimento serão prioridades. Sabemos que, quando a economia melhora, tudo melhora. Mas a recuperação é lenta, não acontece da noite para o dia. Demos os primeiros passos e, agora, queremos continuar o trabalho rumo ao desenvolvimento do país. E somente quem tem experiência, vontade e credibilidade poderá devolver ao Brasil uma economia forte e com muito mais empregos.

Por isso, Meirelles precisa da sua confiança para fazer de novo.