A importância da união entre as mulheres e a construção de uma sociedade mais igualitária

A importância da união entre as mulheres e a construção de uma sociedade mais igualitária

Compartilhe isso:

marianaVivemos tempos difíceis e a sociedade continua sobrecarregando a classe feminina. Apesar de estarmos em pleno século 21, o machismo e o preconceito ainda imperam vitoriosos sobre as mulheres. É chegado o momento de praticarmos efetivamente a  sororidade, de deixarmos de lado antigas rivalidades semeadas por esta sociedade machista.

O movimento feminino precisa unir-se e compreender que a dor de uma mulher , embora seja diferente da realidade a que a outra está acostumada, representa também a dor de todas.Precisamos levantar a nossa voz, não para bradarmos aos quatro ventos em vão, mas para reivindicarmos nossos direitos e defendermos nossos pontos de vista.

É inadmissível que em pleno 2016 ainda haja mulheres preconceituosas com a liberdade de outras mulheres. Não podemos permitir que essa afronta moral continue estabelecendo limites e fronteiras para nós. Nós mesmas nos colocamos muros quando deveríamos estar construindo pontes!

Somos livres! Precisamos exercer a liberdade dos nossos quereres como qualquer ser humano e não podemos ter o nosso caráter medido por classificações de uma visão paternalista e retrógrada. A mulher precisa reconhecer e acreditar no seu potencial e creio que um dos meios fundamentais para que esta luta seja bem sucedida é o engajamento político. Estamos cada vez mais preparadas para este combate que visa unicamente oferecer ao sexo feminino o direito de exercer a sua humanidade, sem a necessidade de prender-se a estereótipos.

A Política é o caminho mais seguro para que as diferenças sejam dirimidas e para que possamos transformar este cenário ainda desolador em um quadro favorável para a força feminina. Muitas de nós, por exemplo, desconhece ainda o significado da palavra sororidade que mencionei ao iniciar o texto.

Sororidade significa uma relação de irmandade entre as mulheres, significa união, defesa, uma aliança solidificada na empatia e companheirismo que visa alcançar objetivos em comum. É se incomodar com o assédio sofrido pela colega de turma, é se denunciar a violência física sofrida pela vizinha, é apoiar a colega de trabalho que foi discriminada por ser mãe solteira, é engajar-se na luta contra o racismo e homofobia. É sentir através da outra o reflexo do que poderia ser com você, afinal nenhuma de nós está livre desses acontecimentos.

Portanto, mulheres, apoiai-vos! Que possamos compreender a necessidade da outra, que possamos estender a mão mesmo quando tudo nos parece confortável. Precisamos nos ajudar, lutar e acabar com esse conceito separatista, que tende a segregar mulheres e dividi-las em classes pois na verdade, somos parte de um mesmo corpo e para que esse corpo consiga finalmente dar passos em direção ao progresso libertador, só nos resta compreender que cada uma exerce um papel fundamental para a transformação da sociedade.

Somente através da união, será possível! Juntas somos fortes, UNIDAS somos IMBATÍVEIS!

Por: Mariana Helayel, Presidente do PMDB MULHER Rio Bonito/RJ.